Estudo: dois minutos de exercício podem reduzir o risco de demência!

De acordo com uma pesquisa da Universidade de Abertay, na Escócia, pessoas com mais de 60 anos podem reduzir o risco de demência e outras doenças relacionadas à idade, com apenas dois minutos de exercício por semana.

Reduzir o risco de demência

O estudo inovador examinou 17 pessoas com idades entre 60 e 75 anos participarem de duas sessões de treinamento por semana durante 10 semanas.

O grupo participou do que é conhecido como treinamento intervalado de velocidade e foi solicitado a pedalar o máximo possível em uma bicicleta ergométrica por seis segundos antes de descansar.

Eles então repetiram o processo até atingirem um minuto de exercício de alta intensidade em cada sessão. Cada participante tinha hipertensão – um fator de risco para demência – e usava medicamentos para controlar a pressão arterial.

No final do estudo, a pressão sanguínea havia caído para níveis normais e saudáveis. Isso aconteceu sem qualquer alteração na medicação ou dieta.

30% da população da Escócia terá mais de 60 anos nos próximos cinco anos, e projeta-se que as doenças relacionadas à idade colocarão uma pressão crescente no sistema de saúde.

O Dr. John Babraj, que liderou o estudo, é professor de Fisiologia do Exercício na Universidade de Abertay, que oferece diversos graus na Divisão de Ciências do Esporte e do Exercício.

Ele disse: “Os possíveis resultados disso podem ser enormes. Temos uma população envelhecida e as pessoas estão vivendo por mais tempo. No entanto, seus estilos de vida não são necessariamente mais saudáveis.

Há um grande aumento no número de pessoas que têm dificuldades de movimento e no número de pessoas que têm doenças associadas ao envelhecimento, como demência, diabetes tipo 2 e doenças cardiovasculares.

O que vimos com este exercício simples é uma redução na pressão arterial que pode levar a uma redução na fragilidade a longo prazo e reduzir o risco de demência em idosos”.

O estudo completo foi publicado e está a disposição no site oficial da Universidade de Abertay.

4Medic

4Medic

As informações publicadas no site são elaboradas por redatores terceirizados não profissionais da saúde. Este site se compromete a publicar informações de fontes segura. Todos os artigos são baseados em artigos científicos, devidamente embasados.