Suplemento de canela pode auxiliar pacientes com artrite reumatoide

A artrite reumatoide (AR) é uma doença inflamatória crônica das articulações, de acordo com alguns estudos utilizar um pouco de canela no café com o leite matinal pode auxiliar na melhora dos sintomas.

Em uma análise de estudo publicada na edição de setembro de 2020 da Complementary Therapies in Medicine, os pesquisadores descobriram que a suplementação de canela reduziu os biomarcadores de inflamação e estresse oxidativo, que ocorrem na artrite reumatoide.

Outro estudo, publicado em 3 de maio de 2018, no Journal of the American College of Nutrition, descobriu que a canela na dieta pode reduzir a inflamação e a pressão arterial.

Artrite reumatoide e canela: o que os dados mostram

Em uma meta-análise chinesa publicada em setembro de 2020 Complementary Therapies in Medicine, 12 estudos analisaram doses de canela em pó variando de 1,5 a 4 gramas (g) por dia. A suplementação de canela resultou em:

  • Uma redução significativa na proteína C reativa (CRP) – uma proteína do sangue que aumenta na presença de inflamação – e malondialdeído (MDA), um marcador de estresse oxidativo
  • Uma diminuição marginal estatisticamente significativa na interleucina-6, que é produzida nos locais de inflamação
  • Um aumento na capacidade antioxidante total

A conclusão final da equipe: “A suplementação de canela pode ser um adjuvante para reduzir a inflamação e os níveis de estresse oxidativo em humanos.”

Mais evidências do efeito positivo da canela

No estudo de 2018, um ensaio clínico duplo-cego randomizado, pesquisadores do Institute for Advanced Studies in Basic Sciences do Irã dividiram 36 mulheres com AR em dois grupos: por oito semanas, um grupo recebeu quatro cápsulas de 500 miligramas (mg) de canela em pó diariamente; o outro recebeu um placebo diariamente.

No início, os participantes do estudo foram medidos para:

  • Açúcar no sangue em jejum
  • Perfil lipídico
  • Enzimas hepáticas
  • Níveis séricos de proteína C reativa (produzida por seu corpo em resposta à inflamação)
  • Pressão sanguínea
  • Fator de necrose tumoral alfa (um pró-inflamatório)

Essas medidas foram retomadas no final da oitava s emana. Resultados: uma diminuição significativa dos níveis séricos de proteína C reativa, fator de necrose tumoral alfa e pressão arterial diastólica no grupo canela em comparação com o grupo placebo. Nenhuma mudança significativa foi encontrada para açúcar no sangue em jejum, perfil lipídico ou enzimas hepáticas.

“O grupo de estudo e o grupo placebo eram em número muito pequeno, tornando as generalizações dos resultados menos significativas, mas uma tendência era certamente evidente”, disse Christine Gerbstadt, MD, RD, CDCES, autora de Doctor’s Detox Diet.

Por que a canela ajuda a reduzir os sintomas da AR, como inchaço e dor nas articulações?

Um estudo publicado na edição de julho de 2020 da International Immunopharmacology descobriu que o cinamaldeído, um componente da canela, alivia a inflamação da AR em ratos ao suprimir proteínas pró-inflamatórias.

Conforme observado em um artigo publicado na revista Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine, a especiaria vem da casca de várias espécies de canela e é uma das especiarias mais populares do mundo, com uma longa história de uso também na culinária como medicina em muitas culturas.

______________________________

O estudo original foi publicado no ScienceDirect

Impact of Cinnamon Supplementation on cardiometabolic Biomarkers of Inflammation and Oxidative Stress: A Systematic Review and Meta-Analysis of Randomized Controlled Trials” – 2021

Autores do estudo: Changyou Zhua, Hongmei, Yanb Yin Zhengcd, Heitor O.Santose, Melahat Sedanur, Macitf Ketong Zhaocd – Estudo

4Medic

As informações publicadas no site são elaboradas por redatores terceirizados não profissionais da saúde. Este site se compromete a publicar informações de fontes segura. Todos os artigos são baseados em artigos científicos, devidamente embasados.