Bacineo


Bacineo – Bula do remédio

Bacineo com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Bacineo têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Bacineo devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

A 4Medic não vende nenhum tipo de medicamento

Laboratório

Luper

Referência

Neomicina e Bacitracina

Apresentação de Bacineo

Pomada dermatológica: bisnagas com 15 g ou 50 g.

Contra-indicações de Bacineo

Hipersensibilidade aos componentes da associação ou aos outros antibióticos aminoglicosídeos, insu?ciência renal grave, danos preexistentes no aparelho auditivo ou no sistema labiríntico; durante a gravidez ou a amamentação. Não deve ser utilizado em bebês prematuros e nos recém- nascidos, pois a função renal ainda é pouco desenvolvida, o que leva ao prolongamento da meia-vida do produto e, também pela potencial ototoxicidade e nefrotoxicidade deste medicamento.

Advertências

Quando o produto é aplicado em grandes áreas da pele, com lesão, pode ocorrer absorção sistêmica signi?cativa, com risco de ototoxicidade ou nefrotoxicidade, especialmente se a função renal estiver prejudicada, ou se ocorrer administração simultânea de fármacos sistêmicos nefrotóxicos ou ototóxicos.

Não empregar para uso oftálmico.

As situações em que o uso deste medicamento requer criteriosa avaliação médica são: pacientes com distúrbios neuromusculares como Myasthenia gravis e pacientes sob tratamento concomitante com relaxantes musculares; pacientes que já usaram antibióticos aminoglicosídeos (por exemplo, a canamicina e/ou estreptomicina) e aqueles que usaram este medicamento com outros antibióticos dessa classe, pois as chances de aparecerem efeitos colaterais são maiores.

Interações medicamentosas de Bacineo

Por causa do risco de danos ototóxicos e nefrotóxicos, é importante evitar o uso simultâneo de outras drogas potencialmente prejudiciais aos ouvidos ou aos rins, tais como aminoglicosídeos, cefalosporinas, anfotericina B, ciclosporinas, metoxi?urano e diuréticos de alça.

Os antibióticos aminoglicosídeos, como a neomicina, podem potencializar o efeito dos relaxantes musculares.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Bacineo

Podem ocorrer reações alérgicas locais, em aproximadamente 1,5 % dos pacientes.

Como a dose recomendada é baixa, geralmente não se espera nenhum efeito tóxico. No caso de superdose, podem ocorrer graves efeitos tóxicos que podem resultar na perda completa da audição. Quando o produto é absorvido sistemicamente, a neomicina pode causar insu?ciência renal, danos no aparelho auditivo e no sistema labiríntico. Embora o dano renal (albuminúria, aumento do nitrogênio não proteico e cilindrúria) seja reversível, os danos no aparelho auditivo não o são. Deve-se ter em mente que os danos preexistentes no parênquima renal com consequente redução da ?ltração glomerular, podem levar ao acúmulo de antibióticos no sangue e, por conseguinte, aos efeitos lesivos no aparelho auditivo. Raramente ocorrem bloqueio neuromuscular, parestesia (sensação de formigamento) e dores musculares.

Bacineo – Posologia

Antes de aplicar o produto lavar a região afetada com água e sabão, e secar cuidadosamente o local. Aplicar sobre a região afetada uma ?na camada do produto 2 a 5 vezes ao dia com o auxílio de uma gaze. Após aplicação, pode-se proteger a região tratada com gaze.

O tratamento deve ser continuado por 2 ou 3 dias após os sintomas terem desaparecido.

Quando usado em grandes áreas, ou em queimaduras localizadas, a absorção sistêmica de neomicina não pode ser mensurada. Portanto, para se evitar complicações, esta forma de tratamento deve ser seguida por curtos períodos, no máximo 8 a 10 dias.

Superdosagem

O quadro de intoxicação é improvável caso o produto seja utilizado conforme prescrito. No entanto, caso o medicamento seja utilizado em quantidade excessiva, a região deve ser lavada imediatamente com água e sabão neutro, e seca com gaze ou pano limpo. Procurar assistência médica, caso apareçam reações desagradáveis.

Uso em idosos, crianças e em outros grupos de risco

Não há restrições ou recomendações especiais com relação ao uso deste produto por pacientes idosos.

Bacineo – Bula para o Paciente

-Ação esperada do medicamento: este medicamento contém dois antibióticos, a neomicina e a bacitracina, que juntos inibem o crescimento de vários tipos de bactérias, principalmente as que costumam causar infecções de pele e de mucosas. Por isto, é e?caz para tratar e para prevenir infecções de pele e de mucosas. Os efeitos deste medicamento começam logo após sua aplicação. Na maioria dos casos, pode-se observar melhora da lesão de dois a três dias após o início do tratamento. Contudo, a resposta ao tratamento depende, dentre outros fatores, do tamanho e do tipo de lesão, da presença de bactérias mais ou menos resistentes aos antibióticos e da defesa do organismo do paciente. Caso não seja observada uma melhora, informe seu médico.

Este medicamento é indicado para o tratamento de infecções da pele e/ou mucosas, causadas por diferentes bactérias, como por exemplo, nas ?dobras? da pele, ao redor dos pêlos, na parte de fora da orelha, nos furúnculos, nas lesões com pus, na acne infectada, nas feridas abertas (como úlceras da pele) e nas queimaduras de pele. Também é indicado para prevenir infecções de pele e/ou mucosas após ferimentos, cortes (inclusive de cirurgias) e queimaduras pequenas.

-Cuidados de armazenamento: conservar em temperatura ambiente (entre 15 e 30 0C). Proteger da luz.

-Prazo de validade: 24 meses a partir da data de fabricação (vide cartucho). Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.

-Gravidez e lactação: informe seu médico a ocorrência de gravidez durante o tratamento ou após o seu término. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas ou durante amamentação sem orientação médica. Informe imediatamente seu médico em caso de suspeita de gravidez.


Este medicamento não deve ser utilizado em bebês prematuros, recém-nascidos e lactantes.

-Cuidados de administração: siga a orientação do seu médico, respeitando sempre a frequência de aplicação e a duração do tratamento. Não aplicar sobre os olhos. Antes de aplicar o produto, lavar a região afetada com água e sabão, secando cuidadosamente o local. Depois da aplicação, pode-se cobrir a área tratada com gaze.

-Interrupção do tratamento: não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Na pro?laxia de infecções cutâneo-mucosas, produzidas por micro- organismos sensíveis, decorrentes de cortes (inclusive de origem cirúrgica), abrasões, queimaduras pouco extensas, ferimentos.

Data da bula

11/07/2017

4Medic

4Medic

4Medic é uma empresa especializada em gestão de clinicas e consultórios médico. Que fornece diariamente notícias sobre a área de saúde em geral. As informações publicadas no site são elaboradas por redatores terceirizados. Este site se compromete a publicar informações de fontes segura. .Todos os artigos são baseados em artigos científicos, devidamente embasados.