Vaqta


Vaqta – Bula do remédio

Vaqta com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Vaqta têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Vaqta devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

A 4Medic não vende nenhum tipo de medicamento

Laboratório

Msd

Apresentação de Vaqta

fr.-ampola ou em seringas c/ uma dose de 25 U/0,5 ml, para uso pediátrico e adolescente, ou uma dose de 50 U/1,0 ml, para uso adulto.

Vaqta – Indicações

Vaqta é indicada para a vacinação contra infecção causada pelo vírus da hepatite A.

Contra-indicações de Vaqta

Hipersensibilidade a qualquer componente da vacina.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Vaqta

Durante os estudos clínicos, não foram observados efeitos adversos graves relacionados com a vacina.

No Estudo Monroe sobre Eficácia, 1.037 crianças e adolescentes sadios na faixa etária de 2 a 16 anos, receberam uma dose primária de aproximadamente 25 U da vacina contra hepatite A e uma dose de reforço depois de 6, 12 ou 18 meses, ou placebo. Os indivíduos foram observados por um período de 5 dias quanto à ocorrência de febre e queixas no local da injeção, e por um período de 14 dias quanto a queixas sistêmicas. As queixas mais freqüentemente relatadas, em geral leves e transitórias, foram relacionadas ao local da injeção. A tabela 1 apresenta o resumo das queixas locais e sistêmicas (? 1%) relatadas nesse estudo, independentemente de relação de causalidade. Não houve diferenças significativas nas taxas de qualquer queixa específica entre os indivíduos que receberam a vacina e aqueles que receberam placebo, após a dose primária.

Tabela 1. Queixas relacionadas com o local da injeção e queixas sistêmicas (? 1%) relatadas no Estudo Monroe sobre Eficácia, realizado em crianças e adolescentes sadios.

Reação Dose 1* Reforço Placebo*+
Queixas no local da injeção
Dor 6,4% (33/515) 3,4% (16/475) 6,3% (32/510)
Dolorimento 4,9% (25/515) 1,7% (8/475) 6,1% (31/510)
Eritema 1,9% (10/515) 0,8% (4/475) 1,8% (9/510)
Edema 1,7% (9/515) 1,5% (7/475) 1,6% (8/510)
Calor 1,7% (9/515) 0,6% (3/475) 1,6% (8/510)
Queixas sistêmicas
Dor abdominal 1,2% (6/519) 1,1% (5/475) 1,0% (5/518)
Faringite 1,2% (6/519) 0% (0/475) 0,8% (4/518)
Cefaléia 0,4% (2/519) 0,8% (4/475) 1,0% (5/518)
* Não houve diferenças estatísticas significativas entre os dois grupos;
+ A segunda injeção de placebo não foi administrada, porque o estudo foi aberto.

Vaqta – Posologia

Não aplicar por via intravenosa, intradérmica, ou subcutânea.

A série de vacinação consiste na administração de uma dose primária e de uma dose de reforço, de acordo com o esquema posológico apresentado a seguir:

Uso pediátrico e para adolescentes: indivíduos com 2 a 17 anos de idade devem receber uma única dose de 0,5 ml (aproximadamente 25 U) da vacina, na data selecionada, e uma dose de reforço de 0,5 ml (aproximadamente 25 U), 6 a 18 meses depois.

Uso adulto: indivíduos com 18 anos de idade ou mais devem receber uma única dose de 1,0 ml (aproximadamente 50 U) da vacina, na data selecionada, e uma dose de reforço de 1,0 ml (aproximadamente 50 U), 6 meses depois.

Vaqta deve ser administrada por via intramuscular. O músculo deltóide é a região preferencial para a administração de Vaqta.

Exposição conhecida ou potencial ao vírus da hepatite A

Não há estudos que avaliam diretamente a eficácia de Vaqta utilizada isoladamente ou em combinação com imunoglobulina na prevenção da hepatite A clínica após exposição ao vírus (ver Interações Medicamentosas).

A vacina deve ser utilizada como fornecida; não há necessidade de reconstituição.

Agite bem antes de usar, para manter a vacina em suspensão.

Produtos de uso parenteral devem ser inspecionados, visualmente, quando à presença de material particulado e alterações na cor, antes de ser administrados. Após completa agitação, Vaqta torna-se uma suspensão branca, ligeiramente opaca.

É importante utilizar seringas e agulhas estéreis, descartáveis, para cada indivíduo, para prevenir a transmissão de agentes infecciosos de uma pessoa para outra.

Vaqta – Informações

Vaqta é uma vacina obtida de vírus inativado, que tem demonstrado induzir a produção de anticorpos contra a proteína do vírus da hepatite A.
O vírus da hepatite A é um dos vários vírus da hepatite que causam infecção sistêmica e doença hepática.

O período de incubação é de aproximadamente 20 a 50 dias. Embora a evolução da doença seja, em geral, benigna e não resulte em hepatite crônica, a infecção com o vírus da hepatite A continua ser uma importante causa de morbidade e de ocorrência ocasional de hepatite fulminante e morte.

4Medic

4Medic

4Medic é uma empresa especializada em gestão de clinicas e consultórios médico. Que fornece diariamente notícias sobre a área de saúde em geral. As informações publicadas no site são elaboradas por redatores terceirizados. Este site se compromete a publicar informações de fontes segura. .Todos os artigos são baseados em artigos científicos, devidamente embasados.