Glutabeina a


Glutabeina a – Bula do remédio

Glutabeina a com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Glutabeina a têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Glutabeina a devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

A 4Medic não vende nenhum tipo de medicamento

Laboratório

Allergan

Apresentação de Glutabeina a

Apres. em emb. c/ 50 drágeas.
Composição:
Ácido Glutâmico 400 mg
Acetato de Retinol 10.000 UI
Cloridrato de Tiamina 5 mg
Cloridrato de Piridoxina 10 mg
Excipiente …q.s.p. … 1 drágea

Glutabeina a – Indicações

Hemeralopia, Xeroftalmia. Coadjuvante da GLUTABEÍNA E no tratamento das miopias progressivas. Transtornos do crescimento. Hiperqueratose. Queratose das mucosas. Neurites periféricas. Hipersensibilidade a infecções.

Glutabeina a – Posologia

1 a 2 drágeas por dia, antes das principais refeições, segundo a indicação e a critério médico.

Glutabeina a – Informações

O Ácido Glutâmico é um aminoácido essencial, constituinte das proteínas e encontrado também em estado livre em alguns tecidos e no plasma. É absorvido rapidamente pelo trato gastrintestinal e apresenta atividade direta sobre o metabolismo cerebral.
O Acetato de retinol (ou Vitamina A) apresenta atividade protetora dos epitélios. A hipovitaminose A provoca hiperqueratose e ressecamento da pele, xeroftalmia, conjuntivite, atrofia das mucosas, perturbações do crescimento, etc. Além disso, nos estados carenciais de Vitamina A, os tecidos do epitélio e mucosas são convertidos em tecidos córneos, mais suceptíveis a infecções.
O Cloridrato de piridoxina (ou Vitamina B6) é imprescindível no metabolismo protéico e dos ácidos graxos não saturados. A carência dessa vitamina provoca lesões na boca e pele, convulsões, náuseas e vômitos, lesões degenerativas nervosas, etc.
O Cloridrato de Tiamina (ou Vitamina B1) possui efeitos tróficos sobre o sistema nervoso.

4Medic

4Medic

4Medic é uma empresa especializada em gestão de clinicas e consultórios médico. Que fornece diariamente notícias sobre a área de saúde em geral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *